PROJETO DE LEI1502/2004

Autor(es): Deputado ALBERTO BRIZOLA


A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
RESOLVE:
Art. 1º A instalação de controladores de velocidade no âmbito do Estado do Rio de Janeiro fica limitada às condições estabelecidas nesta Lei.
Parágrafo Único – Considera-se controladores de velocidade para fins de fiscalização os equipamentos com a finalidade de exercer o controle e a fiscalização, do trânsito no âmbito do Estado, por meios mecânicos, elétricos e eletrônicos, desde que possuam avisos sonoros e luminosos, permitindo ao usuário ser informado do excesso de velocidade cometido, conforme determina a Resolução 146/03, do CONTRAN.
Art. 2º O Estado, através do DETRAN, deverá fiscalizar a substituição em todo o Estado, dos atuais controladores de velocidade, por aqueles elencados no parágrafo único do artigo 1º.
§ 1º– Fica estabelecido o prazo máximo de 120 dias, a contar da data de promulgação desta lei para que a substituição seja efetivada em todo o Estado.
§ 2º- Os controladores de velocidade em atividade que não estejam de acordo com o especificado no parágrafo único do artigo 1º, deverão ser desativados num prazo máximo de 30 dias a contar da data de promulgação desta Lei.
Art. 3º Fica proibido no âmbito do Estado do Rio de Janeiro, a deflagração de processo de aquisição de controladores de velocidade para fins de fiscalização, mediante financiamento, tanto pelo fornecedor, quanto por instituições financeiras.
§ 1º - Incumbe aos órgãos adquirentes de equipamentos controladores de velocidade para fins de fiscalização, exigir no processo licitatório pertinente, a concessão de garantia incondicional de , no mínimo, doze meses, de forma a desonerar o erário de qualquer pagamento referente à manutenção nesse período.
§ 2º Após a data termo dos contratos vigentes relacionados à manutenção de equipamentos instalados, havendo renovação ou nova contratação, esta limitar-se-á ao valor de dois por cento mensais do custo médio atual dos equipamentos, para a remuneração dos serviços necessários à manutenção e às aferições.
§ 3º - Em hipótese nenhuma poderá o órgão adquirente de equipamentos controladores de velocidade para fins de fiscalização, pagar os equipamentos por comissão sobre as multas auferidas pelo equipamento, conforme legislação Federal em vigor.
Art. 4º No caso de qualquer tipo de contratação de equipamentos controladores de velocidade para fins de fiscalização, o respectivo contrato deverá prever o local onde este deverá ser instalado, não sendo admitida a recolocação do equipamento sobre o mesmo termo contratual.
Parágrafo Único – A instalação dos controladores de velocidade para fins de fiscalização no âmbito do Estado do Rio de Janeiro, deverá estar sempre associada às estatísticas de acidentes de trânsito e grau de periculosidade do local de sua instalação, conforme a Resolução 146/03 do CONTRAN.
Art. 5º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Sala das Sessões, 16 de Abril de 2004.
DEPUTADO ALBERTO BRIZOLA

JUSTIFICATIVA

Nossa proposta tem como objetivo regulamentar a utilização de Controladores de Velocidade no Estado do Rio de Janeiro, erradicando de uma forma definitiva os chamados “Pardais”, cujo único obetivo tem sido o de enriquecer alguns empresários do setor.
Os chamados “Pardais” são instalados, nos Município e nas rodovias estaduais, sem nenhum critério, a não ser o de arrecadar polpudas comissões aos proprietários dos aparelhos. Sabemos que em alguns casos a instalação é gratuita, sem ônus para o Município ou Estado, sem que se faça um estudo técnico estatístico sobre a ocorrência de acidentes no local de instalação. Isto sem falar na falta de sinalização adequada, conforme diretrizes do CONTRAN, que são flagrantemente desrespeitadas, como podemos constatar in loco na Rodovia Amaral Peixoto, apenas para dar um exemplo.
A troca dos famigerados “pardais” por lombadas eletrônicas, como proposto neste Projeto de Lei, se faz necessária principalmente por três fatores.
Primeiramente por sua natureza educativa decorrente da uniformização, em todo Estado destes controladores de velocidade, utilizados por outros Estados da Federação.
Em segundo, por suas características técnicas, que facilitarão aos motoristas a adequação da velocidade de seus veículos à redução exigida. A visualização das lombadas a longa distância obrigará ao motorista a diminuição da velocidade e a auferição da sua ao passar pelo equipamento, sabendo se foi multado ou não por aviso sonoro.
Em terceiro, pela própria razão de instalação destes dispositivos. Pois se o objetivo principal é o evitar acidentes, nos locais mais perigosos das ruas, avenidas e estradas, a sua instalação será precedida de estudo técnico e estatístico, e os locais escolhidos não serão êrmos, escondidos, sem vizibilidade para os motoristas incautos.
É nosso dever primar pela transparência na lide das coisas públicas. Todos temos direitos e deveres, e ao Estado incumbe preservar os direitos dos cidadãos. Hoje, conforme o noticiado, existem mais de 3 milhões de veículos que não fizeram a revisão anual. Os motivos? Multas impagáveis, altas taxas de IPVA, corrupção desenfreada nos órgãos de fiscalização. Imaginem o perigo que representa para o povo deste Estado essa quantidade enorme de veículos sem condições de trafegar, sem a revisão mínima necessária para uma direção segura no trânsito tão conturbado destes dias.
Propormos esta mudança de direção no trânsito do nosso Estado é mais do que um dever, é nossa obrigação.

Legislação Citada



Atalho para outros documentos



Informações Básicas

Código20040301502AutorALBERTO BRIZOLA
Protocolo1503/2004Mensagem
Regime de TramitaçãoOrdinária
Link:

Datas:
Entrada 04/16/2004Despacho 04/16/2004
Publicação 04/19/2004Republicação

Comissões a serem distribuidas

01.:Constituição e Justiça
02.:Transportes
03.:Economia Indústria e Comércio
04.:Assuntos Municipais e de Desenvolvimento Regional
05.:Orçamento Finanças Fiscalização Financeira e Controle


Hide details for TRAMITAÇÃO DO PROJETO DE LEI Nº 1502/2004TRAMITAÇÃO DO PROJETO DE LEI Nº 1502/2004

Cadastro de ProposiçõesData PublicAutor(es)
Hide details for Projeto de LeiProjeto de Lei
Hide details for 2004030150220040301502
Two documents IconRed right arrow IconHide details for TORNA OBRIGATÓRIO NO ÂMBITO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO A UTILIZAÇÃO DE CONTROLADORES DE VELOCIDADE TIPO “LOMTORNA OBRIGATÓRIO NO ÂMBITO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO A UTILIZAÇÃO DE CONTROLADORES DE VELOCIDADE TIPO “LOMBADAS ELETRÔNICAS” EM SUBSTITUIÇÃO AOS CHAMADOS “PARDAIS” E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. => 20040301502 => {Constituição e Justiça Transportes Economia Indústria e Comércio Assuntos Municipais e de Desenvolvimento Regional Orçamento Finanças Fiscalização Financeira e Controle }04/19/2004Alberto Brizola
Blue right arrow Icon Distribuição => 20040301502 => Comissão de Constituição e Justiça => Relator: DÉLIO LEAL => Proposição 20040301502 => Parecer: Ofício Pela Baixa em Diligência06/16/2004
Blue right arrow Icon Distribuição => 20040301502 => Comissão de Constituição e Justiça => Relator: NOEL DE CARVALHO => Proposição 20040301502 => Parecer: Pela Inconstitucionalidade - com voto - Pela Constitucionalidade - do Deputado Paulo Melo11/11/2004
Blue right arrow Icon Redistribuição => 20040301502 => Comissão de Transportes => Relator: CLAUDECI => Proposição 20040301502 => Parecer: Favorável03/29/2006
Blue right arrow Icon Distribuição => 20040301502 => Comissão de Economia Indústria e Comércio => Relator: EDINO FONSECA => Proposição 20040301502 => Parecer: Devolvido à Secretaria Geral da Mesa Diretora01/18/2007
Blue right arrow Icon Arquivo Final Legislatura => 2004030150202/12/2007
Blue right arrow Icon Distribuição => 20040301502 => Comissão de Transportes => Relator: UZIAS MOCOTÓ => Proposição 20040301502 => Parecer: Redistribuiçao